• Como encontrar seu Propósito

    Como gosto de pensar fora da caixinha, começo com a seguinte pergunta:

    Quando foi que eu me perdi do meu propósito?

    É fácil, muito fácil identificar nos outros aquilo que percebemos que falta em nós. Comumente isso é chamado de efeito sombra, aquilo que queremos e não sabemos como projetar em nós e é projetado em outra pessoa.

    Ao pensar no tema da semana, encontrar propósito; me deparei com essa pergunta:

    Quando foi que eu me perdi do meu propósito? No decorrer deste texto vou lhes apresentar 5 passos para identificar ou se reencontrar com o seu propósito.

    Não viemos aqui nesta terra somente para comer, trabalhar, dormir ou ter muito dinheiro.

    Quando viemos, ou quando nos encarnamos nesta terra já havia uma missão, um propósito maior designado para nós.

    É como se fosse o DNA, nele existe trilhões de informações que são armazenadas a nosso respeito, nós não o encontramos, ele simplesmente está ali, e por alguns anos nós o ignoramos; e quando realmente necessitamos de algo sobre ele, corremos a um médico para identificar o por que de uma determinada situação que passamos ou vivemos.

    Sendo assim, trago mais uma pequena observação.

    Quantos aqui pararam hoje pelo menos 1 minuto e colocou as suas mãos sobre seu peito ou pulso e sentiu o seu coração bater?

    Nós perdemos nosso coração mesmo ele estando dentro de nós e funcionando para nos manter vivos.

    Assim, acontece com o nosso propósito!

    Ele está ai bem perto de você, ou ainda dizer que ele está dentro de você. Porém em um determinando momento, nós o perdemos!

    E a perda do nosso propósito, nos leva a pagar um preço muito alto! Preço que às vezes custa: família, saúde, amizades e até mesmo a nossa Carreira.

    Então, vocês podem estar perguntando: Vitor, quando então perdemos nosso propósito?

    E minha resposta é: Não sei. Talvez eu ou você, ou até mesmo, todos nós; nos perdemos do nosso propósito, quando perdemos a nossa inocência. Quando deixamos de ver a vida como ela é, quando deixamos de ver a vida, através de um olhar como criança.

    Por exemplo: Nós somos capazes de ficar um dia, um mês, ou até mesmo vários anos, com raiva de uma pessoa. Todavia a criança não fica mais de 4 horas com raiva de quem a prejudicou. Gosto de dar exemplo dos pais com os filhos!

    Eles podem estar certos ou errados, mas ao baterem em seus filhos como modo de correção, a criança não guarda aquilo no coração e fica um século (no sentido literário) com raiva ou birra dos pais. Todavia nós pais quando discutimos, viramos a cara um para o outro, dormimos em quartos separados, ficamos dias e mais dias sem falar um com outro, até que alguém dê o braço a torcer.

    Então a falta de inocência nos leva a progredir de uma forma retrógrada.

    Neste caso, apresento a vocês os 5 passos para se reencontrar com o seu propósito de vida:

    1º Passo:

    Aconteça o que tiver que acontecer, esteja na maior pressão que estiver passando; lembre-se sempre de se lembrar de nunca se esquecer de observar o que mais lhe cativa. Repare as flores, o vento fresco do amanhecer do dia e o pulsar do seu coração!

    2º Passo:

    Crie o hábito de fazer um inventário da sua vida, refletindo em atitudes que são consideradas como suas virtudes. Por exemplo: eu trabalho em uma região a qual tem muitos deficientes visuais, sempre observo! Muitas pessoas passam de largo, por estarem com seu tempo esgotado para poder fazer uma boa ação. Ajudar ao próximo é um dos maiores propósitos de vida e carreira! Lembre-se as pessoas pagam para serem ajudadas.

    3º Passo:

    Com seu inventário de vida em mãos, escreva aproximadamente 20 respostas para a pergunta: Por que eu mereço encontrar meu propósito de vida? Lembre-se a prática leva a perfeição! Quanto mais você responder a esta pergunta, você obterá a resposta.

    4º Passo:

    Realizado o quarto passo, pergunte para as pessoas que estão a sua volta o que elas acham sobre o seu propósito e seu inventário de vida? Isso ajuda muito em um brainstorm into yourself (autopesquisa ou debate interno).

    5º Passo:

    Quem nunca ouviu a expressão: Siga seu coração? Nosso sentido, ou nossa percepção é um ótimo guia para o que queremos fazer. Sendo assim este último passo é muito simples, todavia muito poderoso. Utilize sempre seus princípios e valores como seu guia.

    Encontrar seu propósito, é dar sentido a sua vida!

LEAVE A COMMENT